Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Abril 2016

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

subscrever feeds


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D


Se não vivem debaixo de uma pedra - opção que não coloco totalmente de lado à partida - já deverão conhecer todos os 24 vencedores da 88ª edição dos Oscars da Academia e já devem estar emocionalmente recuperados do facto de o Leonardo DiCaprio ter, finalmente, conseguido a sua estatueta depois de anos e anos a fazer tudo e mais alguma coisa no grande ecrã - incluíndo encharcar-se em drogas, interpretar uma pessoa com deficiência e um amor impossível perdido no oceano gelado.

 

Posto isto, estamos então todos prontíssimos para avançar na nossa análise habitual da cerimónia - mas não é aquela análise detalhada e atenta a todos os pormenores da cerimónia mais mediática da sétima arte... é mesmo aquela análise rasca que se auxilia de GIFs, Memes e Vídeos para arrancar à força views dos 13 leitores habituais deste blog. Na verdade, talvez sejam só 7, mas vamos a isto!

 

*** *** ***

 

Estavamos perto das 23:00 quando começou a emissão da passadeira vermelha e nestes momentos iniciais, nunca sabemos muito bem o que esperar da noitada que se avizinha...

 

 

 

No entanto, decidimos colocar alguma fé no potencial da cerimónia e assumimo-nos entusiasmados pelas possibilidades da noite...

 

 

 

Um dos destaques da cerimónia foi Jacob Tremblay - o adorável protagonista de Room que estou, neste exato momento a tentar adotar

 

 

 

Vejam como o garoto rejubila com o glamour hollywodesco... imagine-se o que não seria se viesse morar comigo para a Trafaria!

 

 

 

No entanto, o único local mais animado além da red carpet dos Oscars naquele momento era a boa da internet, que conforme as estrelas iam chegando, ia fazendo das suas...

Captura de ecrã 2016-03-1, às 19.23.12.png

 

 

 

 

Alicia Vikander e o seu jovial vestido amarelo não passaram despercebidos e a atriz sueca não fugiu a duas recorrentes comparações com duas famosas personagens da Disney/Pixar...

Captura de ecrã 2016-03-1, às 19.20.26.png

 

Captura de ecrã 2016-03-1, às 19.22.39.png

 

 

 

 

Jared Leto que se destaca sempre pela diferenciação num mar de homens virtualmente todos iguais também tratou de levar no lombo...

Captura de ecrã 2016-03-1, às 19.19.14.png

 

 

 

 

Mas ninguém levou mais ódio que Heidi Klum - em sua defesa digo: não é fácil uma pessoa vestir-se às escuras...

Captura de ecrã 2016-03-1, às 19.20.38.png

 

 

 

 

Mas um dos momentos mais ridículos da red carpet estava guardado para Whoopi Goldberg, quando foi confundida com a Oprah pela Total Beauty 

Captura de ecrã 2016-03-1, às 19.18.34.png

 

 

 

A empresa bem tentou apagar o tweet que fez mas, amigos...na internet é para sempre, temos pena, portanto os print screens perdurarão para sempre e o vosso ridículo também, graças ao senhor.

Captura de ecrã 2016-03-1, às 19.21.43.png

 

 

 

 

Evidentemente, seguiram-se vários comentários relacionados com a bronca

Captura de ecrã 2016-03-1, às 19.22.54.png

 

 

Mas o meu favorito...

Captura de ecrã 2016-03-1, às 19.19.02.png

 

 

 

Mas felizmente o Jacob Tremblay está sempre disponível para ser o ser mais amoroso à face da Terra e salvar a alma do convento...

Captura de ecrã 2016-03-1, às 19.21.55.png

 

 

 

Mas parou tudo. Leonardo DiCaprio e Kate Winslet chegaram e pousaram juntos para as fotografias e o mundo teve um orgasmo coletivo.

Captura de ecrã 2016-03-1, às 19.23.24.png

 

 

 

Por falar em DiCaprio, decerto que estavam todos como nós nesta altura, em ansiosa expectativa por aquele que viria a ser um dos momentos da noite...

CcVfOOVUUAEzliE.jpg-large.jpg

 

 

 

 

Mas até lá ainda faltavam longas horas, razão mais do que suficiente para que alguns famosos levassem consigo uma boa merenda que os ajudasse a chegar ao fim da noite. Bryan Cranston levou uma bolacha épica que teve um fim pouco feliz...

 

 

 

 

Mas Charlize Theron foi a pessoa mais honesta relativamente à fomeca que se passa em cada uma destas cerimónias...

 

 

 

 

Estavamos a breves momentos de iniciar a nossa maratona noturna, pelo que era o momento perfeito para os últimos preparativos e as últimas selfies de manta, à lareira, com comida de merda...

 

 

 

 

Tudo a postos para o arranque? Vamos à chamada? Equipa Mad Max? Presente! Equipa The Revenant? Presente. Equipa The Danish Girl...

 

 

 

 

 

Tudo alapado e pronto para o arranque. Abrimos caminho com o monólogo de Chris Rock, que sem grandes surpresas, não ataca a temática das condições ideais para a plantação da ervilha em estufa mas sim... 

 

 

 

 

O tema do racismo dominou toda a cerimónia e deu azo a várias piadas acídicas...

 

 

 

Mas a minha favorita foi a trancada épica na Jada Pinkett Smith

 

 

 

 

 O discurso fechou com a promessa de diversidade ao longo da noite e oh senhores se isso não foi verdade...

 

 

 

 

 Começamos com uma muito inspirada montagem de alguns filmes do ano com "intrusos" que promoviam a diversidade de género (mas que na verdade foram só afro-americanos)

 

 

 

 

Um destaque extra para Tracy Morgan que fez uma imitação perfeita de metade da performance de Eddie Redmayne...

 

 

 

 

 

Depois de ter sido uma das involuntárias protagonistas da red carpet, Whoopi Goldberg voltou à carga, criticando desta feita Joy

 

 

 

 

E estabelecendo uma verdade absoluta sobre uma história adaptada à realidade afro americana que pudesse ser considerada à realidade do Oscar...

 

 

 

 

Destas críticas nem o Leonardo & Cia. se escaparam...

 

 

 

 

Mas às tantas as piadas já eram tantas que o discurso sobre a diversidade se foi ridicularizando ao longo da noite, assumindo o ponto alto da idiotice na absurda aparição de Stacey Dash...

 

 

 

 

 

E eu que nem simpatizo com o The Weeknd, senti a sua dor...

 

 

 

 

Mas regressemos às coisas positivas: Alicia Vikander levou um muito merecido Oscar para casa e é, sem dúvida, a sueca mais bronzeada que eu vi na vida.

 

 

 

 

Por esta altura, a cerimónia decorria leve, com humor e sem grandes precalços. Até o Stallone estava a curti-las...

 

 

 

 Bom, pelo menos até ao momento da verdade...

 

 

 

 

Ainda no início da noite, Mark Rylance surpreendeu tudo e todos a levar o Oscar de Melhor Ator Secundário no lugar de Sly...

 

 

 

 

O pessoal ficou possesso na internet, mas Frank Stallone fez um ótimo trabalho ao envergonhar o irmão com uma saga de tweets profundamente ressabiada e, portanto, hilariante

31B6B77A00000578-3470040-image-a-26_1456785510379.

 

 

 

 

Mas não foi ele o único a dar bandeira perante a sua tremenda infelicidade. Por esta altura Alejandro Iñárritu ainda não tinha perdido cerca de 674 Oscars para Mad Max, portanto estava bem disposto...

 

 

 

Mas quando a responsável pelo guarda-roupa de Mad Max subiu ao palco para receber o seu galardão, o realizador mexicano amarrou bem o burrinho.

 

 

 

Mas tudo ficou bem no mundo porque a senhora cagou no assunto e vestiu este fantástico blusão com diamantes... porque sim.

31B1B29B00000578-3469060-image-a-5_1456759183389.j

 

 

 

E George Miller aprovou.

 

 

 

Quem também deu o aval à escolha foi Ali G - ou a nova tentativa de Sasha Baron Cohen de ser definitivamente banido da cerimónia...

 

 

 

Por esta altura, a cerimónia precisava de um empurrãozinho, e de forma ligeiramente desinspirada, Chris Rock tentou recuperar o momento da pizza de Ellen Degeneres com o momento da venda das bolachas das filhas...

 

 

 

A audiência até gostou da ideia, porque entrar para aqueles vestidos esterlicadinhos significa muita larica na barriga...

 

 

 

E toda a gente fez fila para comprar uma caixa...

 

 

 

Tanto que não chegou para todos e Matt Damon teve de partilhar o seu tesouro com Christian Bale que depois d' O Maquinista jurou para nunca mais passar fome daquela.

 

 

 

Já o Leonardo... parece que não partilhou.

leo-cookies-600x450.jpg

 

 

E a internet não perdoou, mais uma vez...

6hIa6Am.jpg

NjvGFeT.jpg

 

 

 

 

 Se soubesse não me tinha posto a merendar antes da atuação do Sam Smith da canção nomeada do 007 - Spectre que, perdoem-me o palavreado, foi uma valente merda pingada. Ele próprio admitiu...

 

 

 

Mais entusiasmante e emocionante foi o momento musical de Lady Gaga...

 

 

Em "Til it happens to you", subiram ao palco dezenas de vítimas de assédio sexual numa apresentação que deixou muitos membros da audiência de lágrima no canto do olho...

 

 

 

À saída do palco, Brie Larson deu-nos mais uma razão para sermos seus fãs, ao cumprimentar e abraçar CADA UM dos participantes na performance...

 

 

 

Estava tudo alinhado para que uma cantiga bonita ganhasse a noite mas....

 

 

 

oh que merda esta....

 

 

 

A pior canção de Bond de sempre com um Oscar.

 

 

 

Ficamos assim, então, Academia.

 

 

 

Deixemos que a alegria musical nos chegue através da colossal vitória de Ennio Morricone na categoria de Melhor Banda Sonora Original (The Hateful Eight)...

 

 

 

 

E vendo o querido Ennio com uma lágrima a aceitar este prémio há tanto merecido, fiquei com desejos de o adotar também!

oscars-ceremony-mo_3585134b.jpg

 

 

 

Por falar em adorável: eis um rápido tutorial de como arruinar a participação de crianças asiáticas adoráveis na cerimónia:

 

 

 

 

Oh Ryan, lá tivemos de recorrer a ti para mais um daqueles momentos WTF...

 

 

 

Mas ei, os Minions chegaram para animar a malta!

 

 

 

Ou...quase toda a malta.

Captura de ecrã 2016-03-1, às 19.19.49.png

 

 

 

 Mas esta noite também serviu para recordar grandes momentos de infância... como aqueles que passamos com Woody e Buzz <3

 

 

 

 

E também com R2-D2 e 3CPO e.... ai!!! O Jacob a ser adorável outra vez!!

 

 

 

Já me acalmei. Entretanto, entre os aborrecidos apresentadores que normalmente preenchem as noites dos Oscars, aparecem sempre aqueles que secretamente desejamos que um dia apresentem a cerimónia... como a dupla Steve Carell e Tina Fey.

 

 

 

Será que este momento teve algo a ver com isto...?

 

 

 

De todo o modo, nenhum apresentador hipotético gerou tanta mobilização online como o brilhante Louis C.K.

 

 

A sério... ponham-no a apresentar tudo.

 

 

 

Mas também pode ser o Jacob...

 

 

 

 

 A sério... eu vou eventualmente acalmar-me, mas o puto é glorioso.

 

 

 

 

E quando Brie Larson venceu o Oscar de Melhor Atriz, a cumplicidade entre os dois derreteu toda a gente...

 

 

 

Entretanto o Iñárritu lá ficou com melhor cara...

 

 

 

Mas a esta hora já só tinhamos uma coisa na cabeça - DiCaprio - pelo que nem ouvimos nada do discurso dele...

 

 

 

 

Chegou o momento. Depois de dias a ver e rever todas as ocasiões em que DiCaprio NÃO VENCEU, eis o dia, ei-lo!!!

 

 

 

Ele não disse, mas estava assim por dentro.

 

 

 

O reconhecimento foi geral e merecido...

 

 

 

 

Inclusive do seu excelso coprotagonista...

 

 

 

Mas Kate Winslet aplaudiu com o fervor que todos nós sentíamos...

 

 

 

 

 E o nosso rapaz não desiludiu com um discurso fantástico e consciente.

 

 

 

E a Kate Winslet continuava a ser todos nós.

 

 

 

Foi uma boa viagem, kid.

 

 

 

 

Bem vindo ao fim dos memes! Ou será que...?

 

 

 

 

A noite já ia longa e só nos faltava um prémio. Para surpresa de uns, e confirmação de outros, Spotlight foi o vencedor da categoria mais cobiçada. E Michael Keaton manteve o nível com um elaborado "fuck yeah!!!" enquanto mascava a sua já famosa chicla de menta.

 

 

 

A sério, é mesmo famosa.

 

 

 

 

Reparem como a mastiga com vigor... podíamos ficar nisto durante horas...

 

 

 

Mas aproveitamos este momento para relembrar o momento em que Morgan Freeman retira selvaticamente as bolachas da mão de Chris Rock. A fome é negra... e isto não é uma piada racista.

 

 

 

 

Resumindo e concluindo, Julianne Moore deixou a sua apreciação sobre uma cerimónia tépida, mesmo envolvida em muita polémica...

 

 

 

Jacob, estamos combinados para o ano? Apresentas? Sim? Boa!

 

 

 

 

 ... se por acaso o Jacob e o Louis C.K. não puderem, deixo uma terceira alternativa de host em aberto....

 

 

 

Até para o ano malta...

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Golden Globes 2016: resumo em gifs

por Catarina d´Oliveira, em 12.01.16

 

Foi neste último domingo (dia 10 de janeiro) que teve lugar a 73ª edição dos Golden Globes.

 

Teoricamente, esta data representa a grande abertura da awards season (podem ver a lista completa de vencedores de Cinema por aqui), mas praticamente, é muito mais divertido olhar para ela como uma portentosa fábrica de gifs memoráveis. E apesar de a noite ter sido relativamente branda em matéria de discursos inspiradores e apresentadores afogados em estupefacientes (à exceção de Jonah Hill - lá iremos), teve, sem dúvida, a sua quota parte de momentos para mais tarde recordar.

 

Além do domínio de The Revenant, houve distribuição de ofensas e de bolachas, um penteado absolutamente aterrador de Channing Tatum e uma mão-cheia de novo material para construção de memes de Leonardo DiCaprio, pelo que apertemos os cintos e recordemos então esse belíssimo serão com cortesia gif.

 

*** ****

 

 

 A noite abriu com a costumeira passadeira vermelha que cada vez mais é uma masterclass em "strike a (dramatic) pose"...

 

 

... ou o melhor espaço de promoção da awesomeness de Amy Shumer

 

 

 

Resumindo, e no geral, toda a gente tinha as prioridades no lugar certo, sobretudo Sam Smith.

 

 

 

Mas é claro que nestes eventos há sempre espaço para surpresas, como o facto de Jennifer Lopez aparecer VESTIDA

 

 

E estavamos nós ainda a pasmar com o facto de não sermos abalroados pelas ancas ou decote de Lopez quando, eis senão quando... aparece Channing Tatum todo janota com a esposa...

jonah-channing-gg-11jan16-09.jpg

 

 

que amoro...mas... espera... há ali qualquer coisa de errado...

 

 

 

... e foi neste momento que percebi que durante as próximas duas semanas não precisarei de beber mais cafés, porque o meu sono será repetidamente contaminado pela aterradora imagem do penteado Emo de Tatum [arrepios]

 

Evidentemente, toda a gente teve grandes problemas em lidar com a situação delicada, e a explosão começou no twitter...

tatum.jpg

 

 

 

O problema alastrou-se para as próprias "estrelas", e muita gente tentou simplesmente ignorar o que aconteceu...

 

 

 

 Outros tentaram expressar o seu descontentamento ao nível da violência física...

 

 

Mas a maioria optou mesmo por se embriagar para esquecer...

 

 

... como se não houvesse amanhã...

 

 

... ou como se ontem não tivesse existido, porque provavelmente ninguém se ia lembrar...

 

 

 

E as próprias estações televisivas tentaram consolar a nossa alma magoada ao exibir repetidamente publicidade com o tema de fungos nos pés... 

 

 

... mas a esperança de que esta dor desaparecesse com o resto do serão era imensa e assim bebemos um último e esperançoso gole de esquecimento.

 

 

Quando demos por nós, a coisa já estava a começar!!

 

 

 

A gala arrancou finalmente com um excelente e profundamente armadilhado monólogo de Ricky Gervais...

 

 

... e a desgraça parecia finalmente esquecida quando as sequelas do comportamento abusivo decorrente do cabelo daquele cujo nome não deve ser pronunciado começaram a sentir-se...

 

 

 

Não só porque tivemos de voltar a dar de caras com ele em direto, mas porque Jonah Hill não conseguiu, claramente, lidar com a situação ao nível dos 15 kg de erva que provavelmente fumou na sequência do desgosto em relação ao amigo... 

 

 

 ... Jane Fonda não ficou impressionada, mas fiquei particularmente fã do fascinante colega de mesa à direita...

 

 

 

 ... de quem Rob Lowe fez uma imitação primorosa.

 

 

 

As coisas continuaram a descarrilar quando se tornou óbvio que o senhor do teleponto esteve, provavelmente, a partilhar os tais 15 kg de erva com Jonah Hill...

 

 

 

 E perante isto, como é óbvio, a retidão e mestria de Ridley Scott não lhe permite ter paciência para estas merdas.

 

 

 

Também o Quentin parecia ligeiramente fora de si ainda que proseguisse com aquelas pérolas contemporâneas sobre a indústria às quais já estamos habituados...

 

 

 

E na hora da despedida, ninguém o fez com mais classe do que ele.

 

 

 

Decidimos dar mais uma oportunidade à noite e foi com grande alegria e choque que Kate Winslet chegou à conclusão de que esta ainda poderia valer a pena...

 

 

 

Isto porque a única coisa que mobilizaria mais gente do que 57 filmes de Star Wars até 2020 é o reencontro entre Jack e Rose...

leo kate.jpg

 

 

 

... a ocasião parecia perfeita para o reencontro de uma vida, mas há traições que não podem ser esquecidas...

leonardo-dicaprio-golden-globe-memes-06-640x544.jp

 

 

 

...e a realização de que outras opções podiam ter sido feitas...

17yzwc61u64m2jpg.jpg

 

 

 

No entanto,  está mesmo na altura de enterrar o passado, e esta parecia edificar-se como uma noite inesquecível para o nosso boy DiCaprio...

 

 

 

Mesmo depois de ter sido violentamente abalroado por Lady Gaga.

 

 

 

Atentemos uma vez mais na beleza expressiva do ator.

 

 

Mais tarde até Iñárritu ficou fã do momento...

 

 

 

Tudo isto poderia ter preconizado um extensivo episódio de "porrada da grossa", mas felizmente, o deus do boxe Rocky was in the house and winning.

 

 

 

Mesmo que, enfim... não tenha agradecido a virtualmente ninguém que participou no filme que efetivamente lhe valeu este prémio (Creed, protagonizado por Michael B. Jordan)...

 

 

 

Mas pelo menos o seu amigo imaginário não ficou sem uma palavra amiga...

 

 

 

 

Por esta altura, já levamos umas quantas horas desta brincadeira, e é difícil ir pela noite dentro sem atacar o armário das bolachas... afinal, a estas horas a dieta já deve estar a dormir.

 

 

 

 Escondendo o sentimento de culpa debaixo da cama, avançamos para a dupla de BFF's mais adorada da atualidade.

 

 

 

E apesar de muito boa gente já desejar a chegada de umas boas férias de Jennifer Lawrence (afinal tudo o que é demais..........), Eddie Redmayne pareceu ser ainda um fã acérrimo da dupla J-Law e A-Shu.

 

 

 

Mas os Globos têm esse fabuloso dom de parir duplas inesperadas e inesquecíveis, e rapidamente as meninas foram esquecidas porque, entre um nevoeiro de suspiros e estrogénio, Ryan Gosling e Brad Pitt subiram ao palco para um dos segmentos mais inspirados da noite.

 

 

 

Mas agora a sério Brad Pitt - porque é que pareces 15 anos mais novo %&$#$%"???

 

 

 

 A hora já ia avançada e sono começava a apoderar-se de cada uma das nossas pestanas...

 

 

 

...mas ainda nos aguardavam alguns dos melhores momentos da noite, como a célebre distribuição de bolachas de Taraji P. Henson - a sério... já estou a abarrotar... 

 

 

E no caso de a questão dos Óscares não lhe correr bem, pelo menos o Leo já levou um lanchinho...

 

 

 

E nem mesmo sendo a salvadora da anorexia na sala deixaram a mulher fazer o discurso condignamente...

 

 

 

 

Eu, pessoalmente, também tinha dado uma bolacha ao Damon...e uma palmadinha nas costas... e cinco euros em trocos...

 

 

 

 

Ou ao Mel Gibson, que tentou responder às tiradas do Gervais...e o tiro saiu-lhe pela culatra (no pun intended).

 

 

E nesse momento todos fomos Alan Cumming...

 

 

... à exceção de Ricky Gervais, que continua apenas a ser Ricky Gervais e a ver o mundo a arder com as suas tiradas.

 

 

 

 

 Mas chega de encher chouriços porque o homem da noite foi mesmo Leonardo DiCaprio.

 

 

 

Quando soube da notícia da vitória na categoria de Melhor Ator de Drama tentou efusivamente festejar com um amigo que, claramente, tem algumas dificuldades com a definição de fist pump...

 

 

 ... mas o momento em que DiCaprio subiu ao palco foi um arrepiante tributo à sua gigantesca e dinâmica carreira, com todos os pares a aplaudirem de pé o protagonista de The Revenant.

 

 

 

 

Todavia, nem toda a gente foi tocada de forma positiva pela vitória de DiCaprio - mas por favor não voltem a chamar o Jonah Hill....nunca mais....

JGgs5rx.jpg

 

 

 

 A noite terminou com a atribuição do grande prémio da cerimónia - Melhor Filme de Drama - a The Revenant, deixando Spotlight a ver navios... mas pelo menos Iñárritu ficou aliviado por todo o esforço, lama e teimosia em só filmar com luz natural valerem a pena.

 

 

 

 

E sem grandes surpresas mas com grandes quantidades de álcool (e bolachas) no sangue, fechámos esta noite... 

 

 

 Até para o ano, compinchas.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Abril 2016

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

subscrever feeds


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D