Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Agosto 2012

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031

subscrever feeds


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D


Mise en Scène - Últimos trailers em dia

por Catarina d´Oliveira, em 10.08.12

Olá pessoal, bem isto já andava muuuito atrasado de trailers, pelo que vamos lá voltar a por a coisa nos eixos! 

 

 

Começamos com Trouble with the Curve que traz o regresso de Clint Eastwood para a frente das câmaras, algo que não acontecia desde Gran Torino, em 2008. O drama acompanha um veterano de baseball que descobre que está a perder a visão, mas toma a definitiva decisão de viajar com a filha para observar um novo jogador promissor. Robert Lorenz estreia-se nas lides da realização com um elenco que, além de Eastwood, conta com a participação de Justin Timberlake e Amy Adams.

 

Para já, Trouble with the Curve tem estreia agendada para 27 de Dezembro de 2012 em Portugal.

 

 

 

Quando um professor de trinta e poucos anos regressa à sua "alma mater", começa a desenvolver uma atração por uma estudante de 19 anos, e ambos têm de enfrentar as consequências do nascimento da possível relação em Liberal Arts, a segunda longa-metragem de Josh Radnor - o famoso Ted de How I Met your Mother.

 

Apesar de fazer lembrar um bocadinho os enredos "à la Woody Allen" (talvez um bocadinho demais...), é sempre recompensador ver profissionais que não se encontram encostados à sombra da bananeira do sucesso.

 

 

 

Ry Russo-Young (Orphans, 2007) realiza, Lena Dunham (criadora da série televisiva Girls) escreve, John Krasinski, Rosemarie DeWitt e Olivia Thirlby protagonizam.

 

Surge Nobody Walks o drama que acompanha uma artista nova-iorquina que é recebida na casa de uma família californiana para terminar o design sonoro do seu filme. A chegada da rapariga gera, contudo, uma onda de impulsos recalcados em toda a comunidade que os obriga a enfrentar medos e desejos escondidos.

 

Talvez seja um dos célebres casos em que a ideia parece melhor do que a respetiva execução; de todo o modo, vale a pena espreitar.

 

 

  

Uma ex-lenda do desporto que tenta "reconquistar" o filho ao começar a treinar a equipa juvenil de futebol onde este treina, onde terá, todavia, de enfrentar a dificuldade que se materializa no assédio das mães dos outros jogadores, que poderá colocar em risco a sua estratégia para reconstruir a sua família.

 

Playing for Keeps conta com interpretações de Gerard Butler, Jessica Biel, Catherine Zeta-Jones, Dennis Quaid e Uma Thurman, e tem estreia nacional agendada para Dezembro de 2012.

 

 

 

Depois de ter feito sensação em 2009 com o aclamado drama Precious, Lee Daniels volta ao leme da realização para nos trazer o thriller The Paperboy. No enredo, um jovem sem rumo ajuda o irmão jornalista a investigar uma possível condenação injusta de um homem no “corredor da morte”. O crime fará Jack e Ward (os irmãos) trabalharem juntos, mas cada um paga o seu preço pela investigação.

 

Daniels volta a adaptar outro lívro áspero, desta vez, o romance homónimo de 1955 de Peter Dexter. Revolvendo-se entre crime, luxúria e depravação, The Paperboy - que teve honras de estreia em Cannes este ano - é protagonizado por Matthew McConaughey, Zac Efron, John Cusack e Nicole Kidman.

 

 

 

The Big Wedding é mais um sintoma de uma era do género da comédia-romântica do que, propriamente, um filme por si. Cada vez mais, parece que nos querem impingir a mesma história reciclada uma e outra vez, onde a única alteração é o elenco protagonista. Desta vez, por acaso, temos um de luxo, ainda que nunca seja apenas isso que pode salvar um filme...

 

Um casal que está divorciado há anos finge estar junto durante um casamento onde toda a família estará presente. Esta é a "desculpa" para reunir o cast que inclui o carisma de titãs como Robert De Niro, Susan Sarandon, Diane Keaton, Robin Williams, que acompanham os mais jovens Amanda Seyfried e Ben Barnes na viagem a todas as capelinhas dos clichés românticos. 

 

 

 

Em 2008 o mundo foi tomado de assalto pelo thriller inescapável de Pierre Morel, Taken. Infelizmente, e como é cada vez mais costumeiro em Hollywood, sucesso significa... sequelas; é aí que surge Taken 2, o totalmente desnecessário seguimento do enredo desenvolvido no 1º capítulo.

 

Depois de salvar a filha Kim de uma rede de sequestradores, o agente reformado da CIA Bryan Mills resolve tirar férias ao lado da esposa Lenore em Istambul, na Turquia. O que não esperava era que o pai de um dos sequestradores resolvesse vingar-se pelo que aconteceu com o filho, sequestrando Bryan e Lenore durante a viagem. Desta feita, parece que será Kim quem terá de resolver a embrulhada de sequestrados e sequestradores...

 

 

 

Às vezes há destas coisas. Por alguma razão pouco inteligente que já nem consigo recordar, embirrei com Cloud Atlas ainda antes de ler lido alguma coisa sobre ele, ou ter visto mais do que uma ou duas fotos. Felizmente, gosto de ser surpreendida, o que me levou a espreitar o curioso trailer estendido do título.

 

Segundo uma das sinopses a circular online, o poderoso e inspirador épico Cloud Atlas explora as ações e conseqüências do impacto de vidas individuais entre si durante o passado, o presente e o futuro. Seis histórias situadas em tempos e espaços diferentes tornam-se intimamente relacionadas entre si.


O enredo complexo pode ser um dificuldade difícil de ultrapassar pelos realizadores Andy Wachowski (trilogia Matrix), Lana Wachowski (trilogia Matrix) e Tom Tykwer (Run Lola Run, 1998), mas a banda sonora e o visual peculiar e detalhado já dão vontade de explorar a recriação cinematográfica do universo espetacular criado pelo romance de David Mitchell.

 

 

 

Se dúvidas houvesse da relação de parentesco entre Brandon Cronenberg e David Cronenberg, o derradeiro teste de paternidade surge com a sinopse (e trailer) de Antiviral, a primeira longa-metragem do filho do mestre do terror.

 

Um funcionário de uma clínica especializada na venda de injecções contendo doenças extraídas de celebridades parte em busca de respostas depois de ser infectado por um estranho vírus que vitimou uma delas.


You had me at Cronenberg.

 

E para fechar em beleza... uma fornada de posters (clicar em qualquer um deles para aumentar).
 
   
   
   
  

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.




Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Agosto 2012

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031

subscrever feeds


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D