Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Julho 2013

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031

subscrever feeds


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D


Mise en Scène - "The Fifth Estate"

por Catarina d´Oliveira, em 17.07.13

Foi finalmente revelado o primeiro trailer oficial de "The Fifth Estate", de Bill Condon, com Benedict Cumberbatch, Alicia Vikander, Carice van Houten, Daniel Brühl, Laura Linney e Stanley Tucci.

 

 

O enredo oferece um olhar sobre o fundador da controversa plataforma de comunicação e informação (Wikileaks), Julian Assange, e os abalos que esta provocou em diversas instituições à volta do globo. Também em grande destaque está a relação entre Assange e Domscheit-Berg, o ex-número 2 do site, cuja relação com o fundador foi levada aos limites à medida que o site fazia mais e mais estragos.

O filme deverá chegar aos cinemas norte-americanos a 11 de outubro.

Autoria e outros dados (tags, etc)

A produção de "The Hunger Games: Catching Fire" tem lançado, espalhados por várias fontes, vários posters de promoção ao filme que exaltam indivudalmente cada tributo presente no Quarter Quell que veremos no segundo episódio da saga protagonizada por Katniss Everdeen.

 

Lionsgate anunciou ainda que um novo trailer de "Catching Fire" será lançado durante a Comic Con, que se realiza entre 18 e 21 de julho.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Mise en Scène - "12 Years a Slave"

por Catarina d´Oliveira, em 16.07.13

Começar uma carreira cinematográfica com duas longas-metragens com "Hunger" e "Shame" não é para qualquer um. Steve McQueen - o artista plástico britânico que se transmutou em realizador de Cinema - é uma das maiores promessas do Cinema moderno, misturando num tubo de ensaio cuidado um estilo inconfundível e histórias incrivelmente verdadeiras - cruas, se necessário - que refletem os verdadeiros enigmas e batalhas da vida.

 

Com o caminho pavimentado pelos sucessos dos dois primeiros filmes, McQueen dá agora os retoques finais no terceiro, "12 Years a Slave", que ganhou os primeiros (e maravilhosos) trailer e poster oficiais.

 

 

O enredo  é inspirado no livro homónimo de Solomon Northup publicado originalmente em 1853. Acompanhamos então a vida de Northup, um negro casado e com estudos, que vivia em Nova Iorque, e que um dia é abordado por  dois homens com uma tentadora oferta de trabalho em Washington. Quando chega ao local é raptado, e colocado no mercado de escravos, estando sujeito a uma dura vida com vários donos e condições de vida precárias. 

 

Protagonizado por Chiwetel Ejiofor, Michael Fassbender, Brad Pitt, Adepero Oduye, Paul Dano, Scoot McNairy, Benedict Cumberbatch e Paul Giamatti, "12 Years a Slave" chega aos cinemas americanos em outubro de 2013.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Mise en Scène - "Out of the Furnace"

por Catarina d´Oliveira, em 11.07.13

Foi ontem à noite revelado o primeiro trailer oficial de "Out of the Fornace", o novo filme do realizador de "Crazy Heart", Scott Cooper.

 

Russell e o irmão mais novo vivem na zona pobre de Rust Belt e sempre sonharam em fugir e descobrir uma vida melhor. Mas quando uma volta cruel do destino leva Russell ao emprisionamento, o irmão é seduzido para um dos círculos de crime mais violentos e implacáveis do Nordeste - um erro que lhe poderá custar tudo. Quando é libertado, Russell terá de escolher entre a sua liberdade ou arriscar tudo para perseguir a justiça pelo irmão.
Com um elenco (bem) preenchido por Christian Bale, Casey Affleck, Zoe Saldana, Sam Shepard, Woody Harrelson e Forest Whitaker, "Out of the Furnace" ainda não tem estreia nacional anunciada, mas estreia nos EUA a 27 de novembro.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Mise en Scène - "Saving Mr. Banks"

por Catarina d´Oliveira, em 11.07.13

Depois das primeiras imagens oficiais, eis que surge o trailer oficial de "Saving Mr. Banks", de John Lee Hancock.

 

 

A premissa do filme centra-se no esforço titânico de Walt Disney para persuadir a autora P.L. Travers a vender-lhe os direitos do seu livro "Mary Poppins". A contenda durou... 14 anos.

 

Protagonizado por Tom Hanks, Emma Thompson, Paul Giamatti, Jason Schwartzman e Colin Farrell, o filme da Disney deverá chegar aos nossos cinemas em janeiro de 2014.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Mise en Scène - Novo clip de "O que os Olhos Não Vêem"

por Catarina d´Oliveira, em 11.07.13

Que o meu querido e respeitado leitor Pedro Horta andava muito atarefado a realizar o seu filme de terror e fantasia, já se sabia... agora que o projeto tinha potencial para ser uma coisa tão potencialmente assustadora, já era de nos deixar com dúvidas.

 

Nada temam contudo, porque foi lançado mais um clip oficial de "O que os Olhos Não Vêem", e que promete uma saga de terror indie como faz falta ao Cinema Português.

 

No enredo, 5 amigos que andam na Faculdade de Cinema de Lisboa, fazem praxes e partidas uns aos outros, e sem querer (ou não), despoletam uma entidade Demoníaca através de um livro de feitiços. Nesse fim de semana, vão fazer filmagens a uma casa numa localidade isolada em Portugal, um deles começa a revelar sinais de possessão, e todos eles começam a desconfiar uns dos outros. Um a um são condenados por aquela entidade desconhecida, mas um deles resiste ao Demónio e pode ser a chave da solução.

 

Até à estreia, podem seguir a página de facebook oficial do filme do Pedro.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Point-of-View Shot - Sightseers (2013)

por Catarina d´Oliveira, em 11.07.13

 

"If the caravan's rockin', don't come a-knockin'."

 

Bonnie e Clyde. Kit e Holly. Mickey e Mallory. Os amantes mortíferos embarcados em viagens de finais sangrentos veem juntar-se ao grupo uma curiosa adição de terror satírico muito, muito britânico.

 

Chris quer mostrar o seu mundo a Tina e quer fazê-lo à sua maneira – numa viagem através das ilhas britânicas, na sua adorada caravana. Tina levou uma vida enclausurada e há coisas que Chris quer que ela veja: o Museu Tramway Crich, o Viaduto Ribblehead, o Museu Pencil Keswick e a paisagem rural que separa estas maravilhas. A sua jornada inicia-se ao som do cover de "Tainted Love" pelos Soft Cell, e esse é um dos elementos-chave para o seu sucesso– por todos os pequenos sinais, sabemos onde irá eventualmente parar, mas é isso mesmo que torna esta viagem - que os fará aprender da forma mais difícil a lidar com um sonho que é literal e continuamente decepado - tão assustadoramente hipnótica.


 

Sightseers” é uma comédia negra como alcatrão fresco – muito britânica e muito seca – que mescla destemidamente humor impassível e uma violência chocante não recomendada aos membros da audiência mais sensíveis.

 

Tornado famoso pelo seu gosto na exploração do lado negro da vida moderna, o realizador Ben Wheatley orquestra a ação provisionada pelo argumento escrito, curiosamente, pelos dois protagonistas – Alice Lowe e Steve Oram. Juntos construíram uma ode surpreendentemente afetuosa à herança das chuvosas “férias britânicas” e as suas peculiares atrações, mas também uma sátira social de gume cortante.

 

 

Inicialmente criada como um piloto televisivo que foi recusado pela BBC por ser “demasiado negro”, o material acabou por encontrar forma de reencarnação no encontro entre Lowe, Oram e Wheatley, a equipa-pesadelo perfeita para anexar a esta aventura perturbadora uma experiência catártica refletida sobre duas pessoas que encontram na metáfora da violência o tubo de escape perfeito para as frustrações de um casal que passou a vida a ser pisado e resolveu bater na mesa e dizer “ok, por agora já chega”.

 

Outras duras realidades, possivelmente até mais sangrentas e dolorosas, colocam questões desconfortáveis à medida que, primeiro, nos familiarizamos com a relação quebrada que Tina mantém com a mãe, e depois, como a sua relação com Chris se deteriora com o passar do tempo.

 

 

Ao contrário de outras duplas assassinas, como sejam os protagonistas de “Natural Born Killers” ou “Badlands”, Chris e Tina não pretendem deixar ao mundo uma afirmação através da sua violência – ao contrário, neste caso estamos apenas perante um par de pessoas profundamente entorpecidas socialmente, incapazes de criar um vínculo social sério ou de estabelecer um objetivo de vida.

 

Continua a ser divertido e negro, mas profundo de uma forma extraordinariamente pouco convencional.

 

 

Apesar de ser um filme relativamente curto, o segundo ato sente-se relativamente arrastado e repetitivo, mas o convento acaba por ser salvo por uma última piada negra e macabra.

 

Com o tratamento pouco simpático que tem recebido da grande superfície do Cinema comercial, a Comédia Romântica é basicamente um género de zombies, composto por uma grande massa de filmes sem um sopro de vida, unicamente construídos para arrastar casais até às salas ao custo de uma dupla de protagonistas atraente e um argumento mais fino que uma folha de papel.

 

 

Ocasionalmente, contudo, surgem pequenas pérolas com poderes de reanimação soberanos, e “Sightseers” apronta-se a estabelecer uma transfusão de sangue (metafórica e literalmente) bem-vinda ao género.

 

É divertido. É doentio. É bom. Mas, acima de tudo, vai fazê-lo pensar duas vezes antes de deitar um papel de Cornetto para o chão.

 

 

8.0/10

Autoria e outros dados (tags, etc)

Mise en Scène - Primeiro trailer de "Oldboy"

por Catarina d´Oliveira, em 10.07.13

Depois do lançamento de um segundo poster oficial que se demonstrou deveras divisivo, Spike Lee reservou para hoje a explosão na web do primeiro trailer oficial do remake do clássico moderno de Chan-wook Park, "Oldboy", que por sua vez é baseado na série manda homónima entre 1996 e 1998.

  

 

No enredo, Joe Douchett , é um insuspeito executivo financeiro que é capturado e aprisionado no dia em que a sua filha nasce, sem saber o motivo. Mais de vinte anos depois, Joe é liberto sem aviso, e recebe a notícia que tem apenas quatro dias para descobrir a razão para ter sido preso e que, se não conseguir, a sua filha será morta. 
"Oldboy" chega às salas americanas a 25 de outubro.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Master Shot - Aniversários no Cinema

por Catarina d´Oliveira, em 09.07.13

Estava a pensar com os meus botões que a melhor forma de celebrar os cinco anos do Close-Up era, no mínimo, fazer um artigo daqueles engraçados, meio javardolas para acompanhar a data e o pessoal se rir um bocado.

 

Não vai acontecer. Pelo menos hoje. Fica para uma próxima.

 

 

O que vai acontecer é uma bem tradicional compilação de algumas das piores festas de aniversário cinematográficas que me lembrei, porque boas festas é demasiado mainstrem, e eu nunca fui daquelas pessoas que achassem muita graça à sala escura, iluminada pelas velas e a melodia desafinada mas calorosa de familiares e amigos profundamente bem intencionados - uma vez, quando era pequena e tinha uns 7 anos, parti um aquecedor ao pontapé porque me irritei com a cantoria, mas provavelmente estava a passar um dia mau e precisava de umas sessões de psicanálise.

 

Mas adiante...

 

 

"Artificial Intelligence" (2001)

Estar à beira da morte e descobrir que fomos substituídos por um robô pelos nossos pais ainda passa... mas quando pára a boneca ao nosso novo irmãozinho mecânico no dia do nosso próprio aniversário e este se agarra a nós como uma lapa arraçada de carraça, nos atira para a piscina e quase nos afoga...bom, já é abusar da boa vontade de uma pessoa.

 



"Harold and Maude" (1971)

Como um todo, "Harold and Maude" já é uma experiência estranha, para não o colocar por menos... mas eventualmente, a relação íntima entre Maude de 79 anos e Harold, um adolescente esquisito, acaba por se tornar ou tour de force do macabro que culmina numa festa de anos mórbida cujo ponto alto é um suicídio cuidadosamente planeado por parte da velhota. Os resultados mais nefastos acabam por sobrar para os bem intencionados convidados... e claro, para o rapaz apaixonado que organizou a festa.

 

 


"The Royal Tenenbaums" (2001)
És um jovem escritor, com o sonho de uma promissora carreira de sucessos à tua frente. Resolves lançar a tua primeira peça no dia do teu 11º aniversário e deixar o teu pai orgulhoso. O problema surge quando o teu pai é um %##$&%$ de &$#% que só sabe dizer mal da tua obra e a prova viva de que as festas de aniversário têm, de facto, potencial para arruinar vidas para sempre.


"Logan's Run" (1976)
O universo de "Logan's Run" é uma distopia desgraçada onde as pessoas vivem apenas até aos 30 anos. No último dia das suas vidas, encontram-se no Carrossel, onde acreditam que entram num ciclo de reincarnação. A verdade, no entanto, envolve a partilha da festa de aniversário com umas 30 pessoas, a reutilização dos guarda-roupas de Lady Gaga, a humilhação pública de ficar pendurado de rabo para o ar com calças justas antes de explodirmos violentamente, enquanto uma enorme plateia aplaude como palhaços no circo. De sonho.

 

 

 "The Birds" (1963)

Quando Hitchcock se oferece para planear um evento a resposta mais sábia é sempre algo como "nem que a vaca tussa" - primeiro porque a festa de "The Birds" parece incrivelmente aborrecida e segundo porque a forma que arranjou para a animar foi enviar um bando de pássaros assassinos que por alguma razão detestam balões coloridos e crânios humanos... e quando detestam, bicam à bruta. Talvez cachorrinhos seja mais seguro numa próxima vez...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

5 anos de Close-Up

por Catarina d´Oliveira, em 09.07.13

Já é uma tradição, esta de deixar passar o dia de aniversário do Close-Up - por esquecimento ou por ultimamente o meu cérebro andar envolvido numa papa cerelac cimentosa que não lhe permite grandes escapatórias.

 

Mas porque mais vale tarde que nunca, hoje resolvi olhar para trás para os cinco anos que já lá vão desta pequena grande aventura, que tantas alegrias me deu e que, acreditem ou não, tanto me ajudou em momentos difíceis. E também naqueles particularmente bulorentos, em que a seca de um dia vazio foi preenchida pela vontade de completar um qualquer artigo meio parvo e inconsequente mas que me deu um gozo tremendo a fazer.

 

 

Confesso, como aliás nem preciso de fazer porque creio que se nota, que não tenho dedicado ultimamente ao Close-Up a atenção que desejava dar sempre - não por morte da vontade ou da iniciativa, mas por falta de tempo, consequente de trabalhos que me consomem todos os minutos do dia e mais alguns. Também ao Tiago Ramos & companheiros insubstituíveis do CCOP tenho de pedir desculpas pela fraca participação ultimamente, mas creio que será uma fase ultrapassável e que poderei voltar à carga em breve.

Todavia, lamento, mas não estou nem perto de partir, porque ainda tenho muito para escrever e dizer, e o Close-Up cá estará para ser a plataforma que me permitirá fazê-lo.

Uma vez mais, este é o mote para agradecer a todos os que continuam a visitar e a comentar este modesto espaço, mas sobretudo àqueles que continuam a confiar na comunidade de bloggers portuguesa como indivíduos que ainda têm algo de importante a dizer.

 

Quanto ao Close-Up, não prometo passatempos, nem grandes furos exclusivos (quem sabe um dia...), apenas prometo continuar a amar cinema e a mostrar-vos o que tenho a dizer sobre esta arte que já não é só uma parte da minha vida, mas uma parte de mim.

 

A tI e a todos - cinéfilos, bloggers, companheiros de aventura, amigos e leitores - um forte abraço e o meu mais sincero obrigada.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)




Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Julho 2013

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031

subscrever feeds


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D