Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Janeiro 2011

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031

subscrever feeds


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D


Awards Season - Vencedores dos PGA.

por Catarina d´Oliveira, em 23.01.11

Para já aproveito para vos pedir imensas desculpas pela falta de actualizações aqui no blog. O que se passa é que ando em exames na universidade e o tempo escasseia. Todavia, esta e a próxima semana já devem ser decididamente mais movimentadas!

 

 

 

Quanto às novidades, foram revelados os vencedores dos Producers Guild of Amaerica Awards. A lista segue já em baixo, e que bom ter uma sem The Social Network a surrupiar tudo.

 

Best Picture: The King's Speech
Documentary: Waiting for Superman
Animated Feature: Toy Story 3

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

New Shots - 24 a 30 de Janeiro de 2011

por Catarina d´Oliveira, em 23.01.11

 

Esta semana nos cinemas:

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Oscars 2011 - Os nove na corrida para Filme Estrangeiro

por Catarina d´Oliveira, em 19.01.11

 

Até dia 25 de Janeiro, nove filmes poderão sonhar com um lugar entre os nomeados ao galardão de Melhor Filme Estrangeiro. A lista segue já abaixo.

 

ALGÉRIA -  Hors la Loi (Outside the Law) de Rachid Bouchareb

CANADÁ -  Incendies de Denis Villeneuve

DINAMARCAIn a Better World de Susanne Bier
GRÉCIA - Dogtooth  de Yorgos Lanthimos
JAPÃO - Confessions de Tetsuya Nakashima
MÉXICO - Biutiful de Alejandro Gonzalez Inarritu
ÁFRICA DO SUL - Life, above All de Oliver Schmitz
ESPANHA - Tambien la Lluvia (Even the Rain) de Iciar Bollain
SUÉCIA - Simple Simon de Andreas Ohman

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Awards Season - Nomeações dos BAFTA's 2011

por Catarina d´Oliveira, em 18.01.11

  

Peço-vos desculpa pela falta de actualizações aqui no blog mas ando em periodo de trabalhos e exames e tem sido complicado. Todavia não podia deixar de perder cinco minutinhos para vir aqui falar-vos dos BAFTAS (British Academy of Film and Television Arts). Então  que se passa é que foi revelada a lista de nomeados para estes prémios e por uma vez na vida... o líder não é The Social Network mas sim The King's Speech e Black Swan.

 

Já a seguir podem conferir a lista completa de nomeados. 

 

 

BEST FILM

  • BLACK SWAN
  • INCEPTION
  • THE KING’S SPEECH
  • THE SOCIAL NETWORK
  • TRUE GRIT

DIRECTOR

  • 127 HOURS – Danny Boyle
  • BLACK SWAN – Darren Aronofsky
  • INCEPTION – Christopher Nolan
  • THE KING’S SPEECH – Tom Hooper
  • THE SOCIAL NETWORK – David Fincher

LEADING ACTOR

  • JAVIER BARDEM – Biutiful
  • JEFF BRIDGES – True Grit
  • JESSE EISENBERG – The Social Network
  • COLIN FIRTH – The King’s Speech
  • JAMES FRANCO – 127 Hours

LEADING ACTRESS

  • ANNETTE BENING – The Kids Are All Right
  • JULIANNE MOORE – The Kids Are All Right
  • NATALIE PORTMAN – Black Swan
  • NOOMI RAPACE – The Girl with the Dragon Tattoo
  • HAILEE STEINFELD – True Grit

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Awards Season - Vencedores dos Golden Globes 2011

por Catarina d´Oliveira, em 17.01.11

 

 

Foram entregues esta madrugada e sem surpresas os Golden Globes. O grande vencedor da noite foi, como também era esperado, The Social Network que levou para casa quatro galardões, entre os quais o de Melhor Filme (Drama), Melhor Realizador e Melhor Argumento.

  

BEST PICTURE, DRAMA
The Social Network

 

BEST PICTURE, MUSICAL OR COMEDY
The Kids Are All Right

BEST DIRECTOR
David Fincher, The Social Network

 

BEST ACTOR, DRAMA
Colin Firth, The King's Speech

BEST ACTRESS, DRAMA
Natalie Portman, Black Swan

 

BEST ACTOR, COMEDY OR MUSICAL
Paul Giamatti, Barney's Version

 

BEST ACTRESS, COMEDY OR MUSICAL
Annette Bening, The Kids Are All Right

BEST SUPPORTING ACTOR
Christian Bale, The Fighter


BEST SUPPORTING ACTRESS
Melissa Leo, The Fighter

 

BEST SCREENPLAY
Aaron Sorkin, The Social Network

 

BEST ANIMATED FEATURE
Toy Story 3

 

BEST FOREIGN LANGUAGE FILM
In A Better World

 

BEST ORIGINAL SCORE
Trent Reznor and Atticus Ross, The Social Network

 

BEST ORIGINAL SONG
"You Haven't Seen The Last of Me," Burlesque

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

New Shots - 17 a 23 de Janeiro de 2011

por Catarina d´Oliveira, em 16.01.11

 

Esta semana nos cinemas:

Autoria e outros dados (tags, etc)

Point-of-View Shot - The Tourist (2010)

por Catarina d´Oliveira, em 15.01.11

  

"This is exactly why she chose him. To distract us"

 

A discriminação é uma das falhas mais comuns entre as sociedades de seres humanos. Discriminamos raças, orientações sexuais, filosofias de vida, enfim. Tudo o que dê para implicar, nós vamos atacar. Os filmes não são excepção.


O filme de comédia é a minoria étnica; é o miúdo gordinho no parque infantil. Mas temos de recordar que a comédia é também o género mais difícil de realizar em cinema, e aquele que tem menor taxa de sucesso em cair nas graças da audiência, e ainda menor em agradar à crítica.


Resolvi fazer esta breve introdução porque, depois de ter ido ontem ao cinema ver The Tourist, naveguei pela Internet a ver o que se dizia sobre o filme. The Tourist não é, sem dúvida, a comédia da década, nem tão pouco (e provavelmente) a do ano. Todavia, uma pontuação de 10% (ou 1/10) no Rotten Tomatoes por parte dos críticos profissionais parece-me dura de mais.

 

Os elementos familiars vieram todos à festa neste romance/thriller/filme de acção: armas, mafiosos, espiões, veículos despedaçados, identidades falsas e, é claro, grandes estrelas.

 

 

Durante uma viagem improvisada para Europa para curar o coração desfeito, Frank, um professor de Matemática do Wisconsin, envolve-se numa espécie de caso amoroso com Elise, uma mulher extraordinária e misteriosa e que deliberadamente se cruza no seu caminho. Tendo como pano de fundo as maravilhosas cidades de Paris e Veneza, o romance turbulento rapidamente evolui à medida que eles se encontram num jogo mortal de gato e rato.

 

Vamos primeiro às coisas boas ou às más? Para variar um bocadinho, vamos primeiro às más.

 

Um dos factores mais deprimentes é o desperdício de talento em personagens vazios. Angelina Jolie e Johnny Depp fazem o que podem (sendo que, mesmo assim, Depp faz muito mais devido à natureza mais flexível do personagem) mas a química entre os dois é inexistente. Paul Bettany, Timothy Dalton, Steven Berkoff e Rufus Sewell andam por lá a desfilar sem fazerem nada de muito memorável.

 

Se quisermos ficar mais deprimidos, olhemos para trás das câmeras e veremos que o realizador/argumentista é Florian Henckel von Donnersmarck, que realizou The Lives of Others (vencedor do Oscar de Melhor Filme Estrangeiro em 2007). A trabalhar no argumento tivemos ainda Christopher McQuarrie (vencedor de Oscar por The Usual Suspects) e Julian Fellowes (vencedeor do Oscar por Gosford Park). Ainda para piorar mais, o argumento foi baseado num filme francês escrito por Jerome Salle que foi nomeado para um Cesar. A esta hora, os prémios já devem ter ganho pernas e fugiram das casas dos vencedores provavelmente.

 

Tanta gente tão criativa presa numa bolha de inércia... Enfim...

 

 
O argumento é das coisas mais implausíveis e preguiçosas que temos visto nas salas de cinema: a lógica não impera por lá, e não são poucas as vezes que somos confrontados com situações que são incompatíveis com outras que vimos há poucos minutos. Em termos cinematográficos, é uma espécie de mistura entre Charade (1963) e North By Northwest (1959). Isto, é claro, sem a química e o mistério. Bom e sem o engenho também.

 

Do lado positivo, temos que The Tourist oferece o star power mais sexy do ano, e talvez seja este o grande ponto forte do filme: vamos ver porque queremos ver dois actores carismáticos e atraentes (ainda que não sejam dois grandes papéis) a fugir de um lado para o outro em lugares “exóticos” e a oferecerem-nos uma escapadinha da vida real. O truque funciona, ainda que o processo de storytelling seja, como referido supra, muito deficitário.


Outro dos pontos que funciona a seu favor nesta época de nomeações e entregas de prémios é que é uma forma simpática de se passar um serão calmo, não sendo um filme cansativo do ponto de vista intelectual e que dá oportunidade aos pais de verem um filme enquanto os filhos podem ir viajar por Narnia (também nos cinemas).

 

 

Paris e Veneza continuam duas das mais belas cidades do mundo, sendo que o enfoque é dado especialmente à última, que nunca pareceu tão bela no cinema. No fundo, The Tourist pede apenas duas coisas: para nos recostarmos e apreciarmos a viagem.

 

A verdade é que a experiência proporcionada pela fita será tanto melhor quantas mais pessoas estiverem a assistir connosco. O fenómeno da gargalhada e das vivências colectivas ajudam muito. Como dizia uma boa amiga minha, às vezes o que nos apetece mesmo é ver algo leve e divertido (um bom antídoto à complexidade de Inception, por exemplo). E numa noite de quarta-feira, depois de ter aulas das 8:30 às 17:00, era mesmo isso que me apetecia. E não levando expectativas altas (de todo), até não foi uma má experiência.

 

6/10

Autoria e outros dados (tags, etc)

Awards Season - Vencedores dos Critics Choice Awards

por Catarina d´Oliveira, em 15.01.11

 

Os grandes vencedores da noite foram Inception e The Social Network. O primeiro mereceu seis reconhecimentos técnicos, enquanto o filme de David Fincher arrecadou algumas categorias principais como Melhor Filme, Realizador e Argumento Adaptado. A apenas 11 dias das nomeações para os Oscars, todos os indicadores são válidos, e este é um dos bons!

 

Best Picture: The Social Network
Best Director: David Fincher (The Social Network)
Best Actor: Colin Firth (The King's Speech)
Best Actress: Natalie Portman (Black Swan)
Best Young Actress: Hailee Steinfeld (True Grit)
Best Supporting Actor: Christian Bale (The Fighter)
Best Supporting Actress: Melissa Leo (The Fighter)
Best Adapted Screenplay: The Social Network
Best Original Screenplay: The King's Speech
Best Documentary Feature: Waiting for Superman
Best Ensemble: The Fighter
Best Action Movie: Inception
Best Comedy: Easy A
Best Animation: Toy Story 3
Best Picture Made for TV: The Pacific
Best Cinematography: Inception
Best Editing: Inception
Best Art Direction: Inception
Best Visual Effects: Inception
Best Sound: Inception

Autoria e outros dados (tags, etc)

Freeze Frame Shot - Heróis deste Ano

por Catarina d´Oliveira, em 14.01.11

Hoje foi um dia especial uma vez que deu a conhecer ao mundo novas imagens de alguns dos Heróis que vão invadir o grande ecrã este ano. Os grandes destaques são Chris Evans como Captain America e Andrew Garfield como o novo Spiderman. Além destes dois, temos mais uma imagem de Thor, Sherlock Holmes 2, e a primeira vista de olhos a Rooney Mara (completamente diferente!) como a vingadora Lisabeth Salander.

 

(clicar para aumentar)

 

 

  

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Oscars 2011 - Os sete na corrida para Maquilhagem

por Catarina d´Oliveira, em 11.01.11

As categorias técnicas dos Oscars permitem sempre a participação (e vitória) na cerimónia de alguns filmes que nunca esperávamos ver por lá. The Golden Compass (2007), por exemplo, venceu o Oscar de Melhores Efeitos Visuais no seu ano. Mas aquela categoria mesmo surpreendente é a de Maquilhagem, onde Norbit (2007) ou Click (2006) conseguiram obter nomeações.

 

 

 

Este ano, o grupo de possíveis nomeados foi diminuido para sete, de onde vão ser finalmente escolhidos três. A lista é tão "estranha" quanto estamos habituados, e segue já abaixo.

 

Alice in Wonderland
Barney’s Version
The Fighter
Jonah Hex
True Grit
The Way Back
The Wolfman

 

Devemos recordar sempre que, nestas categorias, não estamos a julgar a qualidade do filme no todo, mas sim no particular - neste caso, no trabalho de maquilhagem. Jonah Hex tem de facto um trabalho incrível na cara de Josh Brolin. Trabalhos mais espanpanantes são vistos em Alice in Wonderland e The Wolfman e os habituais envelhecimentos em Barney's Version e The Fighter. O grande mistério para mim é True Grit, mas notei nada, é porque está bem feito.

 

A lista dos nomeados será anunciada no dia 25 de Janeiro de 2010.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:




Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Janeiro 2011

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031

subscrever feeds


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D