Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Dezembro 2010

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D


Widescreen - O poema de Candy

por Catarina d´Oliveira, em 21.12.10

Filme, Ano: Candy, 2006

Realização: Neil Armfield

Descrição da Cena: Enlouquecida, Candy deixa uma "pequena" mensagem a Dan...

 

 

Muito diferente de Requiem for a Dream ou Trainspotting no estilo e na abordagem, Candy acaba por ser "uma filme sobre a droga" mais verosímil e quotidiano, mais fácil de acreditar. É uma obra absolutamente trágica e arrepiante em toda a sua real verdade; é um daqueles filmes de terror humanos. A vida toma cursos para os quais não estamos preparados..

 

Senti algo diferente em Candy que não senti noutros filmes, algo que não sei explicar, apesar de achar, por exemplo, Requiem for a Dream um dos filmes mais brilhantes sobre o tema (ainda que não seja exclusivamente sobre isso, é claro). Mas Candy tem uma simplicidade, uma profunda compaixão...pela história e pelas pessoas.

 

Uma cena poderosa e poética num maravilhoso pequeno filme australiano. Uma descoberta ao acaso... um trailer que me chamou à atenção e que me fez pensar "bem, este é capaz de nem ser mau". E afinal, era mesmo muito bom.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)




Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Dezembro 2010

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D