Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Mais sobre mim

foto do autor



Calendário

Novembro 2008

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30

free hit counters


Action Props Jogos
Awards Season Época de Prémios
Deep Focus Artigos
Flashback Regresso ao Passado
Flashforward Notícias e Projectos
Freeze Frame Shot Imagens
Master Shot Listas e Tops
Mise en Scène Trailers e Posters
New Shots Estreias
Outtake Fora da Sétima Arte
Point-of-View Shot Críticas
Pull Back Shot Um olhar sobre o passado das Estrelas
Smash Cut Citações
Snorricam Extras
Widescreen Cenas Icónicas

. Blog Oficial


Membro do Círculo de Críticos Online Portugueses

. Blog Oficial




Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D


Point-Of-View Shot - Mamma Mia! (2008)

por Catarina d´Oliveira, em 09.11.08

 

"Sophie: I don't care if you've slept with hundreds of men..

Donna: I haven't slept with HUNDREDS of men!"

 

 É num cenário de uma Grécia cristalina e estonteantemente bela que a jovem e bem disposta Sophie se encontra à beira do seu muito desejado casamento. Sophie cresceu sem pai e tem uma ligação muito especial e próxima com a mãe, Donna, a dona de um pequeno hotel. A cinquentona começa a aceitar que ficará sozinha até ao fim dos seus dias e resolve convidar as melhores amigas para o casamento da filha (estas que em tempos foram as suas back-up singers). Mas à beira de uma completa mudança de vida, Sophie sente que falta uma importante parte de si: o pai. Consequentemente, convida três homens muito especiais para a boda.

 

E daqui para a frente, Mamma Mia! desenrola-se num tom tão jovial, divertido e colorido que é impossível as quase duas horas de filme não passarem a voar! Que bela surpresa!

 

Tecnicamente falando, existem muitas (e sérias) falhas às quais é difícil fazer vista grossa. Uma delas é a clara inexperiência da realizadora em termos cinematográficos (foi ela que dirigiu também a peça que originou o filme), tendo levado o espírito teatral um pouquinho além do que é realmente recomendável num filme musical.

 

Outro exemplo que também se prende com esta falta de prática é o vazio demasiadamente visível em alguns momentos, especialmente em algumas sequências musicais, das quais o mais berrante exemplo é a interpretação de "The Winner Takes it All", onde Streep, apesar de nos brindar com uma sentida e espectacular interpretação como seria de esperar, tem de passar a música a abanar os braços numa falésia, enquanto a camera anda à volta, à volta e à volta...isto durante 4 minutos. Esta, entre outras, constitui a maior fífia da fita: a paupérrima realização.

 

De facto, Mamma Mia! é  capaz de ser um dos melhores filmes mais mal realizados de sempre...  o que só nos pode deixar a imaginar o quão melhor poderia ter sido nas mãos de alguém com mais senso e tacto...uma obra prima.

 

O elenco é sem dúvida uma das melhores partes de Mamma Mia! Não menosprezando o belo trabalho do trio masculino principal (tirando a voz do Pierce Brosnan que, coitadinho bem se espremia mas aquilo não ia ao sítio), focar-me-ei nas senhoras...

 

Donna and The Dynamos são absolutamente hilariantes! Com uma relação contagiante e "bocas" provocadoras e divertidas é impossível não entrar na onda destas "cotas" que têm mais pedalada que muita gente nova! Meryl Streep e Julie Andrews são absolutamente brilhantes, e Christine Baranski também não fica muito atrás.

Mas destas Senhoras do cinema só se espera espectáculo, por isso é da jovem Amanda Seyfried que chega a maior surpresa: um brilho que nunca cessa aliado a um inegável talento de interpretação e àquela que é indubitavelmente  a melhor e mais agradável voz do elenco.

 

Não faz qualquer sentido acusar Mamma Mia! de ser ridículo ou parvinho. A verdade é que se trata de uma adaptação de um musical, por isso, naturalmente a teatralidade tem de ser uma contante ao longo do filme e daí os tais "exageros". E depois, qual é o problema de se fazer de vez em quando um filme despreocupado e divertido, totalmente adequado à altura em que foi lançado (Primavera/Verão)?

E digam lá se até não dá uma certa "inveja" de ver o quanto se divertiu todo o elenco?

 

Mamma Mia! não é perfeito mesmo no registo do puro e solto entertenimento, mas é um simpático filme que pôs esta rapariga de 18 anos a "abanar o capacete" e a cantarolar inconscientemente as músicas de um dos maiores grupos musicais dos anos 70. Acho que isto já diz muito, mas eu ainda digo mais: diverti-me imenso e até já ando com Abba no mp3.

 

7.5/10

 

E só para terem um cheirinho da frescura e diversão ... vejam os melhores créditos finais de um filme de que tenho memória.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Fernando Ribeiro a 09.11.2008 às 21:39

"Mamma Mia!" é um filme muito divertido, onde para além de sermos acompanhados por um ritmo bem animado das músicas dos ABBA, somos presenteados com duas boas interpretações: a jovem e bonita Amanda Seyfried e Meryl Streep. Eu vi o musical à já alguns anos, e senti a mesma adrenalina a ver o filme. Concordo plenamente com a tua nota. :)

Beijinho
Sem imagem de perfil

De Dan a 10.11.2008 às 23:32

Boa crítica! :)

Vi este filme muito recentemente e fiquei abismado com a actuação contagiante de Meryl Streep! Ela roubou este filme para si e só o largou até muito depois do final dos créditos ehehe :)

Um puro entretenimento para ouvir músicas imortais e sorrir! O mundo do cinema não é só dramas e policiais!

Cumprimentos Close ;)

Comentar post




Mais sobre mim

foto do autor



Calendário

Novembro 2008

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30

free hit counters


Action Props Jogos
Awards Season Época de Prémios
Deep Focus Artigos
Flashback Regresso ao Passado
Flashforward Notícias e Projectos
Freeze Frame Shot Imagens
Master Shot Listas e Tops
Mise en Scène Trailers e Posters
New Shots Estreias
Outtake Fora da Sétima Arte
Point-of-View Shot Críticas
Pull Back Shot Um olhar sobre o passado das Estrelas
Smash Cut Citações
Snorricam Extras
Widescreen Cenas Icónicas

. Blog Oficial


Membro do Círculo de Críticos Online Portugueses

. Blog Oficial




Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D