Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Mais sobre mim

foto do autor



Calendário

Outubro 2009

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

free hit counters


Action Props Jogos
Awards Season Época de Prémios
Deep Focus Artigos
Flashback Regresso ao Passado
Flashforward Notícias e Projectos
Freeze Frame Shot Imagens
Master Shot Listas e Tops
Mise en Scène Trailers e Posters
New Shots Estreias
Outtake Fora da Sétima Arte
Point-of-View Shot Críticas
Pull Back Shot Um olhar sobre o passado das Estrelas
Smash Cut Citações
Snorricam Extras
Widescreen Cenas Icónicas

. Blog Oficial


Membro do Círculo de Críticos Online Portugueses

. Blog Oficial




Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D


Point-of-View Shot - The Hurt Locker (2008)

por Catarina d´Oliveira, em 03.10.09

 

"The rush of battle is often a potent and lethal addiction, for war is a drug"

 

The Hurt Locker é uma aventura profundamente tensa passada em Bagdade no ano de 2004 e que acompanha uma equipa de soldados norte-americanos cuja missão faz da sua companhia aquela com maior taxa de mortalidade de todas: desarmar bombas e explosivos na ruas, nos corpos dos terroristas, ou mesmo nos cadáveres dos que já partiram.
O único desejo de todos é sair do Iraque com vida; e a contagem decrescente até ao regresso ecoa a cada segundo na cabeça de todos.

 

A abertura é devastadoramente imparcial e desde logo demonstra o tom no qual Bigelow contará a sua história. The Hurt Locker segue, no seu itenerário principal, o destemido e viciado na adrenalina Sargento James, o jovem Eldridge e o sargento veterano Sanborn.
Em todo o lado, iraquianos espreitam e controlam o trabalho dos bravos soldados. De uma janela, de uma vala, por detrás de uma vedação, lá estão eles a observar. E qualquer um deles é um possível infiltrado, um possível inimigo.

 

 

Katherine Bigelow é mestra na realização construindo, peça por peça, um retrato psicológico e um filme de acção excitante. The Hurt Locker capta como poucos as complexidades da Guerra sem se debruçar sobre quaisquer reflexões políticas. O Iraque é apenas uma desculpa de cenário. O filme e a história não se importam com culpados, com moralidades ou o certo ou o errado. O que realmente interessa é que estes homens lá estão, e têm uma missão que roça o mortal. Mas têm também um sonho: sobreviver e regressar.
Este é um filme independente que mete no chinelo muitos filmes e/ou blockbusters de orçamentos galácticos.

 

A imagem e fotografia estão a cargo de Barry Ackroyd (habituado às lides dos documentários) e talvez daí adevenha o realismo e pressão genuínas de The Hurt Locker; é quase como se nós mesmos estivessemos a um passo das bombas e a um simples toque da morte.

 

 

O sargento James é interpretado por Jeremy Renner, que, não desfazendo o restante elenco principal (duas belas interpretações por parte de Anthony Mackie e Brian Geraghty), é a estrela do espectáculo. James não é um homem de grandes palavras e nem de longe o típico herói de guerra. É um homem com um dos mais perigosos trabalhos do mundo, mas que ainda assim se orgulha nele e dele retira prazer e adrenalina.

Indo contra a concepção geral, é nos secundários que podemos encontrar as caras mais conhecidas, mas como a missão de The Hurt Locker não é comercial, as suas presenças são tão cruas e fugazes e a tensão é tanta que nem perdemos tempo a anotar mentalmente a presença de “estrelas”.


The Hurt Locker não tem receio de escarafunchar até ao cerne da natureza humana. A violência, a coragem, a loucura e os instintos são uma presença constante nas duas horas e pouco que passeamos pelas ruas sangrentas de Bagdade.

 

 

É um bravo ensaio sobre a sobrevivência, o risco, a realidade desligada e fragmentada dos combatentes. A paranóia e o suspense são os seus nomes do meio, e é daquelas fitas que podem ser consideradas de puro terror humano.

 

The Hurt Locker tem tudo: a alma, a qualidade visual e de enredo, as caras reconhecíveis a povoar vários lugares e, sobretudo, o F maiúsculo; que Filme!

 

9.5/10

Autoria e outros dados (tags, etc)


3 comentários

Sem imagem de perfil

De Filipe Coutinho a 05.10.2009 às 21:49

É sem dúvida um excelente filme. Não dou uma nota tão elevada como tu mas é inegável que é uma fita muito intensa que merecia a atenção de um público mais vasto.

Bjs
Sem imagem de perfil

De Roberto Simões a 06.10.2009 às 21:17

Bem, Catarina, que 'notão'! Já li imenso sobre o filme. Hei-de vê-lo em breve. A tua magnífica crítica seduziu-me bastante.

Cumps.
Roberto Simões
CINEROAD - A Estrada do Cinema (http://cineroad.blogspot.com/)
Imagem de perfil

De Catarina d´Oliveira a 07.10.2009 às 08:20

ehehe pois é roberto, um notão para um "filmão".

não é um dos "filmes da minha" vida, mas gosto de avaliá-los dentro do seu género e daquilo que já tive oportunidade de ver nesse género...e nsse sentido Hurt Locker é sem duvida revolucionario em varios sentidos. tens mesmo de ver! ;)

Comentar post




Mais sobre mim

foto do autor



Calendário

Outubro 2009

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

free hit counters


Action Props Jogos
Awards Season Época de Prémios
Deep Focus Artigos
Flashback Regresso ao Passado
Flashforward Notícias e Projectos
Freeze Frame Shot Imagens
Master Shot Listas e Tops
Mise en Scène Trailers e Posters
New Shots Estreias
Outtake Fora da Sétima Arte
Point-of-View Shot Críticas
Pull Back Shot Um olhar sobre o passado das Estrelas
Smash Cut Citações
Snorricam Extras
Widescreen Cenas Icónicas

. Blog Oficial


Membro do Círculo de Críticos Online Portugueses

. Blog Oficial




Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D